Web Radio Sertao De Deus


28 de junho de 2009

Crise econômica fará mundo ter mais de 1 bilhão de desnutridos em 2009, diz ONU


19.06.2009 - A barreira de um bilhão de pessoas que sofrem de desnutrição será superada em 2009 em consequência da crise econômica mundial, anunciou nesta sexta-feira (19) a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO).
“Pela primeira vez na história da humanidade, mais de um bilhão de pessoas, concretamente 1,02 bilhão, sofrerão de desnutrição em todo o mundo”, adverte a FAO em seu relatório anual sobre a segurança alimentar mundial.


“O número supera em quase 100 milhões (11% a mais) o do ano passado e equivale a uma sexta parte aproximadamente da população mundial”, diz a agência da ONU, que tem sede em Roma.

“A crise silenciosa da fome cria um risco grave para a paz e segurança mundial”, disse o diretor geral da FAO, Jacques Diouf. “Precisamos urgentemente formar um consenso amplo para a erradicação total e rápida da fome.”

A FAO define como subnutrida a pessoa que ingere menos de 1.800 calorias por dia. Segundo a agência, quase todos os subnutridos vivem nos países em desenvolvimento.
Cerca de 642 milhões estão na Ásia e na região do Pacífico, e 265 milhões na África Subsaariana. Na América Latina e no Caribe, são 53 milhões.

O número de subnutridos no mundo passou de 825 milhões no biênio 1995-1997 a 873 milhões de 2004 a 2006.
Em 2008, o númerou caiu de 963 milhões a 915 milhões por uma melhor distribuição dos alimentos, mas a tendência se reverteu com o agravamento da crise econômica e financeira do fim do ano.
Kostas G. Stamoulis, diretor da Divisão de Desenvolvimento Econômico Agrícola da FAO, disse que é a primeira vez na história que o mundo tem tantos famintos.
Segundo ele, trata-se de uma contradição, porque o mundo tem muita riqueza, apesar da crise.
Stamoulis disse que há recursos para eliminar a fome no mundo.
“Este ano, temos quase um recorde de colheira de grãos, então não há falta de comida, há falta de acesso à comida àqueles que têm fome.

a alta do preço de suprimentos como o arroz detonaram conflitos no mundo desenvolvido no ano passado.
A fome cresceu mesmo após a forte alta na produção de cereais em 2009, e uma pequena baixa no preço da comida em relação a meados de 2008.

No entanto, a média dos preços dos alimentos ainda está 24% mais alta, em termos reais, que em 2006, segundo a FAO.
A crise econômica mundial aumentou o problema para as pessoas afetadas pela perda de empregos.
O relatório prevê que os pobres urbanos devem ser os mais afetados, à medida que a crise faz minguar os investimentos estrangeiros e a demanda por exportações. Milhões devem voltar aos campos em decorrência disso.

A crise também afeta a qualidade da nutrição, à medida que as famílias tendem a buscar alimentos mais baratos, como os grãos, que são ricos em calorias mas contêm menos proteínas que a carne e os laticínios.

A FAO baseia sua estimativa em análises feitas pelo Departamento de Agricultura dos EUA. O relatório completo sobre a insegurança alimentar no mundo será apresentado oficialmente em outubro.
Longe do objetivo

Para a FAO, o objetivo fixado em 1996 na Cúpula Mundial sobre a Alimentação (CMA) de reduzir à metade o número de pessoas com fome não será alcançado.
A meta foi ratificada, no entanto, com o compromisso de ser atingida em 2015, em uma reunião da ONU em Roma em junho de 2008.
As estimativas da FAO confirmam a tendência desalentadora da última década para uma insegurança alimentar maior e revelam claramente o impacto da crise nas populações mais pobres do planeta.

“O aumento da insegurança alimentar que aconteceu em 2009 mostra a urgência de encarar as causas profundas da fome com rapidez e eficácia”, afirma a organização.
“A atual desaceleração da economia mundial, que segue a crise dos alimentos e dos combustíveis e coincide em parte com ela, está no centro do forte aumento da fome no mundo”, indica a agência da ONU.

As estimativas alarmantes da FAO foram publicadas três semanas antes da reunião de cúpula dos chefes de Estado e de Governo do G8, os oito países mais ricos do mundo, na cidade italiana de L’Aquila, de 8 a 10 de julho.
A crise econômica e suas repercussões, em particular na África, o continente mais afetado, estão na agenda da reunião.

Patriarca da Etiópia diz ter visto a Arca da Aliança


O líder cristão Abuna Paulos disse que não pode revelar exatamente onde a arca está


ROMA - O patriarca copa ortodoxo da Etiópia, Abuna Paulos, garantiu em Roma ter visto a Arca da Aliança, e que o objeto sagrado encontra-se “em bom estado de conservação”.

Paulos fez essa declaração durante a apresentação da construção, na cidade etíope de Axum, do Museu da Arca da Aliança, uma iniciativa de seu pontificado e da fundação Chrijecllu, presidida por Makonnen Haile Selassie, neto do último imperador etíope.
“A Arca da Aliança está há três mil anos na Etiópia e continua ali, aonde chegou por meio de um milagre e onde continua pela graça de Deus”, afirmou ele a jornalistas.

O patriarca copta acrescentou que não pode dizer onde está a arca, mas que era capaz de garantir que já a havia visto e que ela corresponde à descrição dada na Bíblia.

“Não é feita pela mão do homem, é uma coisa que Deus abençoou para que assim fosse. Vi-a com um sentimento de humildade, não com orgulho”, afirmou o líder religioso.
Paulos acrescentou que convidou o papa Bento XVI a visitar a cidade de Axum.

De acordo com a tradição copa etíope, a Arca, na qual foram guardadas as tábuas da lei dadas por Deus a Moisés, encontra-se na catedral de Tsion Maryam, em Axum.
A tradição etíope diz que o artefato foi levado a Axum pelo imperador etíope Menelik I, o lendário filho do rei Salomão com a rainha de Sabá.



Fonte: EFE

22 de junho de 2009

Físicos voltam a estudar a idade do Santo Sudário


03.04.2008

A obsessão pela relíquia mais controversa da cristandade acaba de voltar aos laboratórios. Pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, e do Turin Shroud Center, nos Estados Unidos, estão investigando a possibilidade de uma contaminação rara no Santo Sudário, a mortalha de linho que supostamente teria envolvido o corpo de Jesus Cristo após sua morte na cruz. Se tal contaminação ocorreu mesmo, a idade do Sudário estimada pela datação com carbono-14 -- apenas uns 700 anos, indicando que o pano é uma fraude medieval -- estaria incorreta.



A nova bateria de testes é uma prova de como a imagem enigmática do Sudário continua fascinando cientistas e leigos, exatos 20 anos depois do suposto teste definitivo de sua autenticidade -- no qual a mortalha acabou não passando. E também mostra como é difícil um estudo objetivo do artefato: é quase impossível encontrar uma visão científica consensual sobre o pano, com acusações de má-fé feitas tanto por defensores quanto por detratores da relíquia.

Caso se trate mesmo de uma falsificação, também não há uma explicação universalmente aceita de como ela teria sido criada. Um livro que acaba de chegar ao Brasil defende a tese de que se trata de uma espécie de fotografia primitiva, usando uma argumentação interessante, mas força a barra ao atribuir a obra a ninguém menos que o personagem favorito das teorias da conspiração, o gênio Leonardo da Vinci.

O teste original da idade do Santo Sudário, hoje abrigado na Catedral de São João Batista em Turim (Itália), aparentemente seguiu à perfeição as exigências do método científico. Três grupos diferentes -- da Unidade de Acelerador de Radiocarbono de Oxford, da Universidade do Arizona (EUA) e do Instituto Federal de Tecnologia da Suíça -- receberam amostras da borda do pano, longe da imagem, e as submeteram à datação por carbono-14.

Nesse tipo de teste, estuda-se o desaparecimento gradual dessa forma radioativa e instável de carbono. O carbono-14 é absorvido por todos os seres vivos -- inclusive as plantas usadas para fazer o linho do Sudário -- durante seu metabolismo. Quando morrem, todos possuem uma proporção parecida de carbono-14 em suas moléculas, e essa proporção decai a uma taxa fixa ao longo do tempo. Com isso, a idade de qualquer amostra de matéria orgânica pode ser estimada.

Ora, os três laboratórios obtiveram resultado parecido: o pano teria sido tecido entre os anos 1260 e 1390, no final da Idade Média. No entanto, John Jackson, do Turin Shroud Center, propõe que o Sudário pode ter sido contaminado por monóxido de carbono (CO), uma molécula na qual o carbono-14 aparece em proporções anormalmente altas.

"Uma quantidade relativamente pequena de monóxido de carbono, equivalente a uns 2% do carbono no linho [do Sudário], seria o suficiente para alterar a idade da amostra em cerca de mil anos", declarou em comunicado oficial o diretor da Unidade de Acelerador de Radiocarbono de Oxford, Christopher Ramsay. "Estamos colaborando com a equipe de John Jackson para verificar as taxas de reação [do CO com o pano]."

Ramsay, no entanto, lembra que nenhuma amostra datada por carbono-14 até hoje apresentou esse tipo de problema, graças principalmente à pequena quantidade do monóxido de carbono na atmosfera. No entanto, Jackson aposta que o incêndio que quase destruiu o pano no século 16 poderia ter criado as condições necessárias para o suposto erro de datação.

"A equipe de Jackson ainda não conseguiu replicar essas condições, mas continua sendo possível, embora não muito provável, que futuros experimentos comprovem a idéia deles", afirma Ramsay. Os laboratórios estão realizando experiências para tentar verificar se, em alguns contextos, a absorção maciça de CO pelo tecido acontece mesmo.

Enquanto os físicos britânicos e americanos tentam entender os dados contraditórios, o livro "O Sudário de Turim", dos escritores britânicos Lynn Picknett e Clive Prince, apresenta uma mistura curiosa de análise científica e muita imaginação para explicar as anomalias encontradas na imagem. Na obra, recém-lançada no país, a dupla argumenta que o Sudário é um auto-retrato fotográfico de Leonardo da Vinci, feito provavelmente em 1492.

Apesar da tese aparentemente fantasiosa, os dois apresentam um bom resumo das controvérsias científicas em torno da misteriosa mortalha. Um dos problemas é que muitos dos pesquisadores envolvidos no estudo do Sudário nos anos 1970 e 1980 eram católicos fervorosos, tendendo a ver o pano como a "prova física" da ressurreição de Jesus. Por isso, todas as supostas provas de autenticidade da imagem são contestadas.

Dois trabalhos famosos, por exemplo, disseram ter achado pólen de plantas que só crescem juntas durante a primavera da Palestina em meio ao Sudário, o que provaria sua origem em Jerusalém, onde Cristo foi crucificado. No entanto, botânicos independentes afirmam que mesmo os melhores microscópios não permitiriam uma identificação tão precisa das espécies de plantas.

O mesmo vale para os supostos traços de sangue -- classificado como pertencente ao tipo AB -- na mortalha. Alguns cientistas argumentam que, na verdade, há ali resquícios de corantes usados por artistas medievais, como o ocre vermelho. Para piorar, o pano parece ter sido extensamente manuseado ao longo dos séculos, o que permitiria a contaminação por pólen, DNA e até sangue estranhos ao "dono" original do Sudário.

Para completar, a imagem mostra detalhes incrivelmente realistas de ferimentos de chibatadas, de lança -- a mesma que teria perfurado o tronco de Jesus e feito escorrer "sangue e água", de acordo com o Evangelho de João -- e marcas da crucificação. Aliás, a marca do cravo que teria pregado um dos braços de Cristo à cruz fica não na palma da mão, mas num local preciso do pulso, que dava estabilidade ao corpo crucificado. Era assim que os antigos romanos crucificavam seus prisioneiros, mas na Idade Média -- suposta data em que o Sudário foi forjado -- ninguém mais sabia disso. Tanto que as imagens da época mostram Jesus pregado pelas palmas das mãos.

No entanto, o aspecto mais intrigante do Sudário é que ele parece abrigar uma imagem "fotográfica": todos esses detalhes só são vistos no negativo das fotografias tiradas dele, já que a imagem "normal" é muito tênue. Lynn Picknett e Clive Prince, os autores do livro, afirmam que isso indica uma origem fotográfica ou protofotográfica para a própria imagem.

Para comprovar isso, eles usaram substâncias e técnicas disponíveis no fim da Idade Média e na Renascença para tentar criar seu próprio "Sudário". Como pigmento sensível à luz, escolheram uma mistura de clara de ovo e sal de cromo. Usando uma câmera escura (instrumento rudimentar que inspirou as câmeras fotográficas), conseguiram projetar a imagem de um busto de gesso numa tela coberta com o pigmento. O resultado foi uma imagem do busto que tinha até o famoso "efeito de negativo" do Sudário.

Questão de fé

O ponto fraco do interessante experimento é a ligação com Leonardo da Vinci. Eles acham que o artista criou o Sudário a pedido da Igreja mas, por ser herético, quis realizar uma brincadeira blasfema contra Jesus colocando seu próprio rosto no pano, "colando-o" em cima da imagem de um cadáver crucificado. Os argumentos são circunstanciais: afinal, "só Leonardo" teria conhecimento suficiente de anatomia e óptica para bolar uma fraude tão detalhada. Além do mais, a margem de erro do teste de carbono-14 poderia, em tese, significar que o Sudário foi feito no fim do século 15.

No fim das contas, acreditar nessa tese vira quase tão questão de fé quanto acreditar na autenticidade do Sudário -- a qual, é bom lembrar, não tem importância nenhuma para a fé cristã. Afinal, em nenhum lugar do Novo Testamento se diz que Jesus deixaria uma prova física de sua Ressurreição para forçar os descrentes a segui-lo.

Fonte: G1

---------------------------------------------------------------

Lembrando...

Especialistas no Santo Sudário indicam que filme “A Paixão” se ajusta à realidade

Madri, 06/04/2004 -
O Centro Espanhol de Sindonologia, com sede em Valência e dedicado ao estudo do Santo Sudário de Turim, afirma que o filme “A Paixão de Cristo” de Mel Gibson “baseia acertadamente muitas de suas cenas em estudos realizados sobre a própria tela” embora “a crueza da crucificação do corpo refletido no Sudário supera as mais duras cenas do filme”.

O vice-presidente do Centro de Sindonologia, Jorge Manuel Rodríguez, indicou à agência AVAN que um dos “momentos mais fortes do filme e que mais se ajustam à realidade é o da flagelação, onde são empregados instrumentos de tortura muito semelhantes aos utilizados na época”, entre outros, látegos com tiras de couro com bolas farpadas nas pontas que “arrancavam a pele e deixavam a pessoa em carne viva”.

Segundo o especialista, os estudos realizados por médicos legistas sobre o Santo Sudário determinaram que “cerca de 50 por cento da pele do corpo que a tela envolveu estava ferida. As lesões mostradas no filme estão de acordo com a realidade”.

Igualmente, “a cena final da Ressurreição está totalmente de acordo com as últimas investigações sobre o Santo Sudário que constatam que a tela murchou, como aparece no filme, e o corpo saiu do lenço sem desmanchar o envoltório”, acrescentou Rodríguez, que já ofereceu mais de 600 palestras e conferências sobre o Santo Sudário nos últimos dez anos.

Entretanto, estudiosos da Síndone de Turim afirmam que “a realidade dos fatos superam em dureza as imagens que mostra ‘A Paixão’ por mais violentas que pareçam”. Assim, a coroa que rodeia a cabeça de Jesus Cristo no filme “produz muito menos incisões do que as que reflete o Sudário no qual foram contabilizadas até 60 feridas que rodeiam toda a cabeça e couro cabeludo”, precisou Rodríguez.

Após lembrar que no filme Jesus Cristo é cravado na Cruz com cravos que transpassam as palmas das mãos, o vice-presidente do Centro de Sindonologia declarou, entretanto, que “as pesquisas sobre o Santo Sudário revelam que os cravos foram colocados no crucificado no carpo, quer dizer, nos ossos dos pulsos, o que provocava uma dor muito maior”.

Dá-se a circunstância de que a colocação do cravo sobre o carpo toca o nervo mediano e “produz o movimento do polegar para dentro da palma ”. Por isso, “no tecido do Santo Sudário não aparecem os dedos polegares e mostra apenas a forma de quatro dedos em cada mão”.

Finalmente, o especialista disse que “no filme aparece Jesus Cristo com as mãos amarradas com cordas e, entretanto, isto não aparece no Santo Sudário porque, nesse caso, o tecido teria mostrado algum sinal de desgarramento na pele onde foram colocadas as ataduras”, precisou.



Fonte: ACI Digital

Vaticano critica pressão por beatificação de Pio XII


19 de junho de 2009

O papa Bento XVI precisa ficar sozinho para decidir se encaminha ou não um polêmico Papa da era nazista rumo à canonização, afirmou o Vaticano nesta sexta-feira, criticando uma aparente pressão de dentro da Igreja a favor do ex-pontífice.



O papa Pio XII foi acusado por alguns judeus de fechar os olhos para o Holocausto durante a Segunda Guerra Mundial, acusação que seus defensores e o Vaticano rejeitam.

O Vaticano emitiu um comunicado atipicamente forte horas após a mídia italiana citar o reverendo Peter Gumpel, chefe do grupo do Vaticano que trabalhou no processo sobre a santidade de Pio XII, sugerindo que Bento ainda não agiu por medo de prejudicar as relações com os judeus.

O Vaticano, citando matérias da imprensa, expressou que a decisão do Papa sobre a assinatura de decretos de beatificação "é de competência exclusiva do Papa, que deve ficar completamente livre em suas avaliações e decisões".

Alguns dizem que Pio não fez o bastante para salvar os judeus. O Vaticano e seus defensores judeus afirmam que ele trabalhou nos bastidores, porque a intervenção direta teria piorado a situação.

"Virtudes heoicas"
O departamento de canonização do Vaticano aprovou em 2007 um decreto que reconhecia as "virtudes heroicas" de Pio XII, dando um passo no longo processo por uma possível santificação iniciado em 1967.

Bento XVI ainda não aprovou o decreto, necessário para a beatificação, optando por um período de reflexão, nas palavras do Vaticano. A beatificação é o último passo antes da canonização.

Gumpel, principal defensor da santidade de Pio XII, disse que Bento XVI ficou "travado" por alguns encontros recentes com organizações judaicas.

"(Os grupos judaicos) disseram a ele em alto e bom som que se ele fizesse qualquer coisa a favor do Papa (Pio), as relações entre a Igreja Católica e os judeus ficariam permanente e definitivamente comprometidas", disse Gumpel, segundo a agência Ansa.

Grupos judaicos pediram ao Vaticano para paralisar o processo até que sejam feitos mais estudos sobre os registros do período da guerra.

PAPA PEDE PARA LÍDERES MUNDIAIS DAREM ATENÇÃO À RELIGIÃO


CIDADE DO VATICANO, 17 JUN (ANSA) - O papa Bento XVI afirmou hoje esperar que "os líderes políticos mundiais" deem "atenção à importância da religião no tecido social de qualquer sociedade", ao receber na Praça São Pedro participantes da IV Cúpula de líderes religiosos em ocasião do G8.


Diante dos religiosos, que desde ontem debatem a agenda do encontro que reunirá em julho os representantes das sete nações mais industrializadas e da Rússia na cidade italiana de L'Aquila, o Pontífice ressaltou também que os "políticos devem assegurar que suas próprias decisões garantam o bem comum".
Ao comentar a realização do evento, que conta com a presença de 129 representantes de diversas religiões, Bento XVI contou que apóia "esta iniciativa, organizada pela Conferência Episcopal Italiana (CEI), em colaboração com o ministro das Relações Exteriores italiano", Franco Frattini.
"Espero que tal iniciativa contribua muito para despertar a atenção dos líderes políticos do mundo sobre a importância das religiões no tecido social de toda sociedade", ratificou o Papa.
A IV Cúpula de líderes religiosos foi iniciada ontem, sendo que os participantes visitaram L'Aquila, cidade escolhida para sediar a reunião do G8 por ter sido atingida em abril por um terremoto de 5,8 graus na escala Richter que deixou quase 300 mortos e 50 mil desabrigados.
Também hoje, durante a audiência geral desta manhã, o Pontífice defendeu que o Evangelho deve cair na cultura de todos os povos para iluminá-la com os seus valores.
"Colocar a fé na cultura das pessoas requer um trabalho de tradução muito exigente, requer a identificação de termos adequados, com o cuidado para não trair a riqueza da palavra relevada", explicou Bento XVI diante de cerca de 25 mil fiéis.
O Papa ilustrou seu discurso citando obras dos santos Cirilo e Metódio, nomes religiosos dos irmãos Miguel e Constantino, que realizaram atividades missionárias na Europa central e são conhecidos como apóstolos dos eslavos.
Na ocasião, o Pontífice pontuou que Cirilo e Metódio elaboraram um alfabeto para os eslavos, traduzindo as escrituras sacras, o que, segundo Bento XVI, é um "testemunho significativo que a Igreja se inspira e se orienta". (ANSA)
17/06/2009 08:53

Fonte: www.ansa.

19 de junho de 2009

Número de famintos no sul da Ásia sobe em 100 milhões em 2 anos



02.06.2009 - A crise financeira internacional e a alta dos preços do petróleo e dos alimentos fizeram o número de pessoas com "fome crônica" no sul da Ásia crescer de 300 milhões para 400 milhões nos últimos dois anos, denunciou hoje o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

Numa entrevista coletiva em Nova Délhi, o diretor do Unicef para a região, Daniel Toole, classificou a situação como "escandalosa". O comentário foi feito durante a apresentação do relatório do órgão sobre o impacto da crise econômica na infância e nas mulheres.

Entre 2006 e 2008, mais de 100 milhões de pessoas que vivem no sul da Ásia passaram a integrar o grupo populacional que não consome o mínimo de calorias diárias recomendadas, que é como o organismo define a "fome crônica".

Toole lembrou que o Banco Mundial (BM) fixou em 600 milhões, um número bem maior, o total de sul-asiáticos que vivem sob a linha de pobreza (US$ 1,25 ao dia). Disse ainda que mais de um bilhão de pessoas sobrevivem com menos de US$ 2 ao dia na região.

Em seu estudo, o Unicef calculou em 230 milhões de indianos, 84 milhões de paquistaneses, 65,3 milhões de bengaleses, 10 milhões de cingaleses, 8,5 milhões de nepaleses e 7,8 milhões de afegãos os sul-asiáticos famintos.

Os dados "mais preocupantes", segundo Toole, foram coletados no Nepal, no Paquistão e na Bangladesh, países em que a fome crônica avançou com mais rapidez sobre a população pobre nos últimos dois anos.

As crianças são as mais afetadas, já que, segundo o relatório, 54% dos 615 milhões de menores no sul da Ásia vivem na pobreza. E, dos 175 milhões de crianças com menos de 5 anos, 45% delas têm problemas de desnutrição, o índice mais alto do mundo, acima até da taxa na África Subsaaariana.

De acordo com o estudo, as famílias castigadas pela fome crônica dedicam de 60% a 70% de sua renda à alimentação, por isso são especialmente vulneráveis ao aumento dos preços dos mantimentos.

Fonte: Terra notícias

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Lembrando...

Profecia de catástrofe alimentar ainda pode se realizar

30.12.2007 - Fatos extraordinários estão acontecendo no mercado mundial de alimentos. O preço do trigo, da soja, do milho e de laticínios mais que duplicou nos últimos anos, enquanto a demanda superou a oferta pela primeira vez desde a Segunda Guerra Mundial. Por quê? A população mundial está crescendo, mas não em um ritmo acelerado. No entanto, milhões de pessoas pobres, especialmente na China, hoje podem comprar carne, e a produção de proteína animal exige muito mais insumos por quilo do que a de vegetais. O cidadão chinês médio come 30% mais carne hoje do que cinco anos atrás. Em segundo lugar, houve uma série de colheitas fracas ao redor do mundo. E terceiro, muitos países ocidentais estão subsidiando os agricultores para trocar o plantio de alimentos por colheitas de energia renovável.

Mais de 200 anos atrás, o demógrafo e economista político britânico Thomas Malthus afirmou que a população superaria a oferta de alimento e que se não houvesse limites rígidos à reprodução humana o mundo rumaria para um desastre. Até agora ele se mostrou totalmente enganado; a população mundial aumentou dez vezes e há menos fome do que em sua época. Mas a população global provavelmente crescerá de 6,5 bilhões para 9 bilhões até 2050, o que exigirá que os agricultores do mundo produzam mais alimento nos próximos 40 anos do que nos últimos 200. As previsões malthusianas estiveram erradas durante 200 anos, mas poderão se mostrar válidas nos próximos 50.

Depois da Segunda Guerra Mundial, os governos europeus readotaram políticas protecionistas para aumentar a produção interna de alimentos. Mais tarde, a Política Agrícola Comum introduziu barreiras protecionistas e grandes subsídios, encorajando os agricultores europeus a produzir muito mais que o necessário. Nos últimos 20 anos, uma série de medidas foram adotadas para reduzir as cotas de produtividade, e há uma "reserva" compulsória para tirar terra arável da produção. Mesmo assim, a produção tendeu a superar a demanda, deprimindo os preços e reforçando ainda mais os subsídios.

Esse problema foi exacerbado pelo impacto da inovação científica e tecnológica na produtividade agrícola nos últimos 60 anos. A produtividade - por hectare, por vaca leiteira, por porco - triplicou. Os avanços em herbicidas, pesticidas e antibióticos conseguiram controlar a maioria das doenças animais e vegetais e também os predadores. Novas técnicas notáveis por meio de hibridação melhoraram a produtividade de plantas e animais. Aplicações químicas encurtaram e enrijeceram o caule das plantas, permitindo que elas absorvam mais fertilizante e suportem climas inclementes.

A revolução tecnológica foi ainda mais dramática. Depois da guerra, o cavalo ainda era a principal fonte de energia agrícola na Europa. Hoje, são o trator e a colheitadeira mista.

Esses avanços transformaram a produtividade agrícola. Máquinas de alta velocidade resultam em colheitas mais curtas e rápidas, com menos alimento perdido para a intempérie. Uma área maior de terra é usada em agricultura. Ao mesmo tempo, há necessidade de menos pessoas para lidar com esses enormes aumentos de produção. Sessenta anos atrás, uma fazenda arável de 350 hectares podia empregar 40 pessoas. Hoje meu filho administra uma fazenda desse tamanho com apenas mais uma pessoa.

Em conseqüência disso tudo, apesar de a população mundial ter triplicado durante a minha vida, o mundo está mais bem-alimentado do que nunca. Quando ainda ocorre escassez, como na África, a fome surge por causa de fracassos logísticos e políticos. Há alimento disponível, mas ele está no lugar errado.

A população global continuará crescendo. As economias dos países mais pobres também vão prosperar, o que resultará em pessoas mais bem-alimentadas e comendo carne. A demanda por alimentos aumentará entre 50% e 100%, dependendo da escala da mudança de consumo vegetariano para carnívoro. A mudança climática vai distorcer os padrões do tempo com desvantagem para a maioria dos agricultores, mas aqueles no norte temperado e rico poderão se beneficiar. E, finalmente, muitos governos continuam comprometidos com um grande aumento da energia renovável a partir de vegetais.

Nos últimos 200 anos, foi possível suprir as crescentes demandas por alimentos colocando mais terra em produção. Mas hoje estima-se que só existam mais 5% de terra disponível para esse fim. A produção alimentar absorve 70% da chuva que cai sobre o solo. Devido à mudança climática, o suprimento de chuva se tornará mais volátil, com mais enchentes e secas, ambas as quais dificultam a vida dos agricultores.

Se os agricultores do mundo não conseguirem suprir a demanda de alimentos, haverá sérias conseqüências econômicas e políticas. A inflação alimentar poderá ameaçar o crescimento econômico e a escassez alimentar poderia criar instabilidade política no mundo em desenvolvimento. A liberalização do comércio global, que foi um fator chave para reduzir as tensões políticas internacionais, poderá ser revertida se os países decidirem proteger seus suprimentos internos de alimentos. Os países mais pobres poderão se tornar dependentes demais dos alimentos das zonas temperadas mais afluentes, nos EUA e na Europa, o que por sua vez exacerbaria os problemas de escassez de mão-de-obra nessas regiões, resultando em novas migrações polêmicas.

Para evitar essa catástrofe malthusiana, várias coisas precisam acontecer. Como antes, a inovação científica e tecnológica será chave, mas desta vez a tarefa não é cultivar mais terra, e sim melhorar substancialmente a produtividade da terra já cultivada. Mas, no Ocidente, os grupos ambientalistas resistem a essa inovação, notadamente, mas não exclusivamente, com relação às modificações genéticas.

A tese contra o uso irresponsável da ciência e da tecnologia não pode ser facilmente rejeitada, mas nos últimos anos os regulamentos foram reforçados e os cientistas reagiram à preocupação pública. Os ambientalistas devem reconhecer isto e preparar-se para fazer compromissos. A maneira mais rápida de realizar a terrível predição de Malthus seria que o mundo se tornasse totalmente orgânico.

Para que isso não ocorra, nós, como indivíduos, devemos parar de usar energia no ritmo em que o fazemos e de desperdiçar alimentos na medida em que o fazemos. Atualmente, desperdiçamos quase a metade do alimento que produzimos, jogando fora produtos perfeitamente bons em nossas cozinhas, restaurantes e lojas.

A agricultura atingiu um divisor de águas, e se as pessoas continuarem a se comportar de maneira egoísta ou irracional, as previsões malthusianas se realizarão. Prevê-se que depois de 2050 a população mundial deverá se estabilizar ou até declinar. Enquanto isso, devemos confiar na engenhosidade e no bom senso humanos para superarmos as dificuldades.

*Chris Haskins é fazendeiro e ex-presidente da Northern Food, uma indústria de alimentos britânica

“ORGULHO” GAY


A “parada Gay” e o Apostolado da Oração

SÃO PAULO - A Parada Gay de São Paulo (Brasil), marcada para este domingo (14/6/09), a partir das 12h, espera reunir mais de 3 milhões de pessoas na Avenida Paulista. É a maior manifestação “gay” do mundo ocorrendo no “maior pais católico do mundo”. Três milhões, não necessariamente todos “gays”, mas contando com vasto contingente que os acolhe e aplaude: “Apesar de conhecerem o justo decreto de Deus, que considera dignos de morte aqueles que fazem tais coisas, não somente os que as fazem, mas também aqueles que aplaudem os que as cometem.” (Rm 1.27.32).


“ORGULHO” GAY
“A glória deles está na sua infâmia” (S.Paulo aos Filipenses, 3,19). S.Paulo disse isto chorando.

“Estão inteiramente imundos. E o pior é que não se trata apenas daquela fraqueza natural, que a razão pode dominar quando a vontade o quer. Esses infelizes, não só não refreiam tal tendência, mas fazem algo de muito pior e caem no vício contra a natureza. São cegos e estúpidos, cuja inteligência obnubilada não percebe a baixeza em que vivem. Desagrada-Me este último pecado, pois sou a Pureza Eterna. Ele Me é tão abominável, que somente por sua causa fiz desaparecer cinco cidades (cf Sb 10,6). Minha Justiça não mais consegue suportá-lo. Esse pecado, aliás, não desagrada somente a Mim. É insuportável aos próprios demônios, que são tidos por patrões por aqueles infelizes. Os demônios não toleram esse pecado. Não porque desejam a virtude; por sua origem angélica recusam-se a ver tão hediondo vício. Eles atiram as flechas envenenadas da concupiscência, mas voltam-se no momento em que o pecado é cometido.” (Santa Catarina de Sena, Doutora da Igreja, narrando o que ouviu diretamente do Pai Eterno: “O DIÁLOGO” 28.6.3) – “Nenhum pecado é tão abominável como este, nem há outro que tanto escureça a inteligência humana” (idem, 14,2). Pior, cometem pecado “tão abominável” também com crianças, com meninos. Crianças são levadas pelos próprios pais para assistir ao nefando desfile. (Se fosse com animais, - o pecado da bestialidade - ao menos estes não tem uma alma para salvar do Inferno!) Mas não, crianças são “arrancadas ao seio materno da Igreja, impelidas a renegar e blasfemar Jesus Cristo e induzidas aos piores excessos de luxúria” (Pio XI, MR 16).

A citação do Livro da Sabedoria: “Foi ela (a Sabedoria) que, quando do aniquilamento dos ímpios, salvou o justo (Lot) subtraindo-o ao fogo que descera sobre a Pentápole (= 5 cidades), cuja perversidade, ainda no presente, é testemunhada por uma terra fumegante e deserta, onde as árvores carregam frutos incapazes de amadurecer e onde está erigida uma coluna de sal, memorial de uma alma incrédula.”

Porém Deus "o qual deseja que todos os homens se salvem" (1Tm 2,4) e quer “transformar repugnantes pecadores viciosos em troféus de misericórdia” (cf. Josefa Menendez) não os abandona.

Prossegue o Pai Eterno: “Mesmo entre os maus, conservo os que me pertencem. Por sua santidade retenho mesmo a minha justiça, não ordenando às pedras que se atirem contra os pecadores, à terra que os devore, aos animais que os estraçalhem, enfim, aos demônios que levem seus corpos e almas. Procuro meios e maneiras de curá-los. A fim de que se corrijam, coloco entre eles os meus servidores, homens puros, que orem por eles. Farei com que estes servidores percebam a maldade dos vícios e se esforcem por salvar os pecadores. Cheios de compaixão, farão a oferta dos maus e implorarão por eles; entristecer-se-ão por causa das ofensas. Foi justamente o que fiz contigo, levando-te a sentir um pouco daquela podridão. Na ocasião, teu mal-estar foi insuportável e dissestes: ‘Ó Pai Eterno, tem piedade de mim e da humanidade. Deixa-me morrer. Não agüento mais.” (28.6.4).

SÃO PAULO AOS ROMANOS:

“...as suas mulheres mudaram o uso natural em outro que é contra a natureza [1]. Do mesmo modo, também os homens, deixando o uso natural da mulher, arderam em desejos uns para com outros, cometendo homens com homens a torpeza e recebendo em seus corpos a paga devida ao seu desvario. (AIDS?.....) Apesar de conhecerem o justo decreto de Deus, que considera dignos de morte aqueles que fazem tais coisas, não somente os que a fazem, mas também aqueles que aplaudem os que as cometem.” (1.27.32).

Como se sabe, o procedimento infame causa as piores doenças “recebendo em seus corpos a paga devida ao seu desvario” e Deus se serve desse sofrimento somado às nossas orações e penitências para os salvar da condenação eterna: "Mas, sendo julgados pelo Senhor, ele (os) castiga para não (serem) condenados com o mundo". (1Cor 11,32)

Nota:- Conforme o CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA, essas palavras não são dirigidas a pessoas com tendências homossexuais, que lutam contra essa tendência e que conseguirão, com meios ascéticos, com o uso dos sacramentos da Igreja e as orações – especialmente dirigidas a Maria Puríssima [2] – um dia, a vitória de viverem castamente. O próprio Catecismo dá orientações a respeito, n° 2357.

A Igreja tem a obrigação de REPARAR tais pecados e consolar o Coração de Jesus, cuja festa já se aproxima (19 de Junho próximo). Ela o faz especialmente mediante o Apostolado da Oração.



NOTA: Todo pecado exige reparação, a qual acarreta o perdão de Deus. Não foram encontrados 10 reparadores que poderiam ter salvo Sodoma e Gomorra. Todavia, um único reparador, Lot, salvou a cidadezinha de homossexuais, Segor (Gênesis, 19,21 ss). Existe, na Igreja, uma Associação especializada na “reparação”, que oferece diariamente a Deus o dia “em reparação de nossas ofensas”. É enorme a responsabilidade dessa Associação nos dias tenebrosos em que vivemos. Todos e cada um de nós, mesmo sem pertencer à dita Associação, podemos, como deseja ardentemente o Papa, aliviar essa sua responsabilidade, oferecendo a Deus, cada qual “as orações, obras, sofrimentos e alegrias” de cada dia na dita “reparação de nossas ofensas”. Tamanhos pecados não fizeram São Paulo chorar tanto quanto a “falta de reparação” por eles: “Temo que, quando eu for outra vez, me humilhe Deus entre vós, e que tenha de chorar a muitos daqueles que antes pecaram, e não fizeram penitência da impureza e fornicação e lascívia que cometeram.” (2 Cor 12,21).


No iceberg é pequena a parte que aparece, a maior parte está submersa. Também o “fenômeno gay” é pequena parte de algum muito maior, a trama mundial da corrupção, visando a tomada do poder:

Os pretensos "direitos dos gays" são parte de um vasto front cultural aberto por intelectuais ativistas numa nova estratégia de combate inspirada na Escola de Frankfurt, no filósofo marxista húngaro Gyorgy Lukacs e em Antonio Gramsci. O fundamento da estratégia é a máxima de Lukacs de que a destruição da democracia capitalista requer, antes, a demolição das bases morais e intelectuais da civilização ocidental. A principal dessas bases é a ética judaico-cristã, bombardeada de todos os lados e sob uma impressionante variedade de pretextos, de modo que a opinião pública, cada vez mais alerta para pequenos arranhões no orgulho gay, lésbico, feminista, etc., está completamente dessensibilizada para o fato brutal das perseguições religiosas, hoje mais intensas do que nunca. Michael Horowitz, historiador judeu, o mais informado pesquisador na área, informa que pelo menos 150.000 cristãos são assassinados anualmente pelas ditaduras comunistas e muçulmanas -- enquanto, indiferente a isso, o Ocidente se ocupa de dar força de lei a caprichos e pretensões grupais concebidos para criar hostilidade à religião e anestesiar a sensibilidade do público ante a gravidade do genocídio continuado.

A bibliografia existente sobre o assunto é vasta, mas permanece fora do alcance do nosso público. Vale consultar, no mínimo, Judith Reisman (Kinsey: Crimes and Consequences), E. Michael Jones (Libido Dominandi: Sexual Liberation and Political Control) e Daniel Flynn (Why The Left Hates America), bem como o número especial da revista Whistleblower dedicado a "The Gay Rights' Secret Agenda".

A estratégia é implementada por uma tática, também bastante conhecida.

Primeiro: Algum subintelectual a serviço de partido, grupo de interesse ou ONG levanta uma hipótese pseudo-científica rebuscada e caluniosa que, mal termina de ser formulada, já se alardeia na mídia como verdade provada e moralmente obrigatória.

Segundo: Qualquer tentativa de discuti-la é recebida com tamanhas manifestações de escândalo que o possível contestador perde o embalo de continuar pensando no assunto, por medo de ser chamado nazista, racista, homofóbico, etc.

Terceiro: Com base na hipótese, tiram-se conclusões e aplicações para vários domínios do conhecimento e da ação, começando pelo estabelecimento de novos critérios para o julgamento de questões morais, históricas, políticas, etc., e terminando pela promulgação de novos códigos que dão a esses critérios o estatuto de obrigações legais.

Quarto: Você mal acabou de tomar conhecimento do assunto e pensa em dizer algo a respeito, quando de repente percebe que ao fazê-lo não estará enfrentando um debate acadêmico ou jornalístico, e sim uma queixa policial.

A fórmula é: escamotear o debate. Não dar tempo para ninguém pensar. Esmagar os contestadores, não com argumentos, mas com insultos, com reações histéricas de indignação e, se possível, com processos judiciais. Saltar direto da expressão de uma vontade à ação que a impõe como fato consumado. A tática é denunciada com impiedoso realismo por uma líder feminista, lésbica, apenas sincera demais para ser cúmplice de tanta perfídia: leiam The New Thought Police, da linda e corajosa Tammy Bruce.

Tal é, em essência, o sentido da "ação afirmativa". Você não encontrará essa definição em nenhum panfleto gay, neo-racista, lésbico, indigenista ou ecológico. Dirão apenas que se trata de políticas piedosas destinadas a compensar os danos que a sociedade infligiu a grupos minoritários ou à pobre Mãe Natureza. Mas, em boa lógica, a definição que descreve uma política tão-somente pelos seus elevados objetivos professos, fazendo abstração do modo de agir concreto destinado a atingi-los, não é definição: é propaganda.
Substantivamente, a ação afirmativa é esquema de transformação social adaptado da tática de "ação direta" preconizada por Georges Sorel, teórico da violência no socialismo e no fascismo. Seus inventores bem sabem disso, mas a massa dos militantes contenta-se com a definição eufemística, condenando como odiosa manobra reacionária qualquer tentativa de exame das ações concretas. O apelo à camuflagem, a recusa de submeter-se a critérios objetivos de veracidade e moralidade, já comprovam que os altos propósitos alegados por esses movimentos são mentirosos até à raiz.

No fundo, o que está em jogo não é a proteção dos negros, nem dos gays, nem das mulheres, nem da Mãe-Terra nem de quem quer que seja. Tudo isso é apenas pretexto de ocasião para promover o anti-americanismo, o ódio à civilização judaico-cristã Em troca do embelezamento de regimes ditatoriais e genocidas.

A prova mais eloqüente da total insinceridade desses movimentos é a pressa indecente com que abdicam de suas metas e aderem às políticas contrárias sempre que isso convenha à estratégia maior do esquerdismo internacional. O movimento gay norte-americano, que vive ciscando casos reais e imaginários de discriminação em toda parte, fez o diabo para proibir a exibição de filmes sobre a perseguição anti-gay em Cuba, país onde a repressão oficial aos homossexuais chega a requintes que nem Stálin teria imaginado. Com igual descaramento, na passeata anti-EUA e anti-Israel de 20 de abril de 2002 em Nova York, líderes feministas enragées manifestaram seu apoio irrestrito às ditaduras muçulmanas, os regimes mais machistas que já existiram no universo.

Tudo isso sugere uma pergunta dolorida: Terá valido a pena o Rio Grande livrar-se do governo petista, se for para ceder tão docilmente, por inocência intelectual, ante as exigências mais gerais da ideologia que o inspirava?

REPARAÇÃO, REPARAÇÃO, REPARAÇÃO!

Apresentemos ao Pai nossos pedidos, tendo como Intercessor Aquele que vive sempre intercedendo por nós (Heb 7,25). Ter tal Intercessor é uma vantagem e um privilégio nosso que nosso Pai Abraão não teve. E mais, tomamos como Medianeira diante de tal Intercessor Aquela a quem Deus nunca recusou a atender.

Ao mesmo tempo em que fazemos tais fervorosas preces, trabalhemos para:
AUMENTAR O NÚMERO DE INTERCESSORES E REPARADORES

Para tanto podemos pedir o auxílio do Apostolado da Oração que é justamente a Associação especializada em intercessão e reparação à qual Associação João Paulo II pede que se juntem TODOS os católicos sem exceção de um só, de toda idade, sexo e condição.

Com isso conseguiremos, como já afirmava o Papa Pio XI no final da Encíclica sobre o Coração de Jesus, “que a justiça de Deus – propensa a perdoar Sodoma por amor a dez justos, muito mais se digne a usar de misericórdia para com toda a família humana, quando Lhe dirigirem súplicas e desagravos OS FIÉIS TODOS, junto com Cristo, Mediador e Cabeça.”

(diversas fontes pesquisadas por Hugo Ferreira Pinto: hugoap@terra.com.br)











[1] também lésbicas



[2] “Quem respeita Maria, seja santo ou pecador, não será levado pelo demônio infernal” (O Pai Eterno a Santa Catarina de Sena: “O Diálogo” 34,1)


www.recados.aarao.nom.br

VATICANO PROÍBE


VATICANO PROÍBE
sexta-feira, 22/agosto, 2008

Vaticano proíbe padre que não acredita em Adão e Eva de dar aulas na Argentina


Um padre argentino, que é um renomado professor universitário no país, não poderá continuar dando aulas, nem divulgar entrevistas ou informações nos veículos de comunicação locais por ordem do Vaticano. Segundo a instituição católica, a decisão se deve ao fato do religioso negar a existência de Adão e Eva.
O sacerdote é Ariel Alvarez Valdés, um conhecido doutor em Teologia Bíblica que trabalha como professor na Universidade Católica de Santiago del Estero (Província no norte da Argentina) e do Seminário Diocesano de Catequese.
A sanção foi adotada pelo Vaticano e assinada pelo cardeal Tarciso Bertone, ex-secretário da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé, segundo a agência oficial Télam.
O padre, autor de vários livros e responsável pelas missas da paróquia de Nossa Senhora do Pilar em Santiago del Estero, também não poderá dar declarações à imprensa ou fazer comentários a estações de rádio e televisão.
Isso porque, em várias situações Valdés teria negado publicamente: a anunciação do anjo Gabriel à Virgem Maria, as aparições físicas de Nossa Senhora e a existência de Adão e Eva. Segundo o Vaticano, a postura é contrária à doutrina da Igreja Católica.
Via: Uol
============================================================
OBS. Realmente não é sem tempo que o Vaticano intervenha dentre estes bandidos da fé. Gente sem o Espírito Santo, que na verdade se julga o próprio. E há milhares deles por aí que precisam do mesmo tratamento. Preferível é para nossa Igreja um mínimo de padres santos como o Cura de Ars, que um máximo que comporte tantos hereges infiltrados.

Falo dos que negam acintosamente verdades da fé, que atropelam até mesmo os dogmas, que negam ousadamente os milagres de Cristo e até mesmo a autoridade do Papa, coisas que não somente proibem, como excomungam da Igreja tais fautores do erro.


Adão e Eva foram duas criaturas reais, existiram, e foram os primeiros homens a quem Deus se revelou visivelmente. A própria situação da maçã, ou seja que fruto tenha sido, não pode ser descartada como irreal, fictícia ou apenas como forma de catequese. Pode ter sido exatamente assim.


Quanto à questão de Adão já muito falamos, e creio que em breve colocarei no ar um artigo muito interessante sobre este assunto. Adão, pode sim, ter sido feito de barro, até porque Jesus disse ao demônio que Deus poderia suscitar filhos de Abraão até das pedras. É impressionante como são pífios estes falsos teólogos arrogantes não entendem nada do poder infinito do Altíssimo.

O fato é que, se o Vaticano quiser mesmo agir, terá de se preparar para uma batalha ímpar. A caneta de dom Tarcisio Bertone terá muito papel para assinar se quiserem calar a matraca uivante e renegada destes hereges contumazes. Só no Brasil, dentre os que negam os pontos que citei acima, temos milhares de alvos desta caneta... Espero que a atitude do Vaticano, perfeita e própria do momento atual, sirva de selo para calar muitos destes hereges.

Que eles leiam os anatemas do Sacrossanto e Dogmático Concílio de Trento, que está sendo cada vez mais evocado pelos defensores da verdadeira Igreja de Pedro, contra os ousados que distorcem as disposições do Vaticano II. Fazem isso achando que até mesmo os dogmas anteriores foram suprimidos, o que é um absurdo herético.




www.recados.aarao.nom.br

EXPLOSÃO NA LUA


Exploração do Espaço, uma história de conquistas e os fracassos
REVISTAS ABRIL


Com o objetivo de detectar traços de água na Lua, a Nasa (agência espacial americana) tentará abrir um buraco na superfície lunar. Na primeira missão do gênero desde 1999, será lançado nesta quinta-feira, do Cabo Canaveral, na Flórida, um foguete em direção ao satélite natural da Terra. Dentro dele, não haverá tripulação, mas um míssil.
A ideia é analisar quaisquer traços de vapor de água na nuvem espacial que será criada pela explosão. Os cientistas estimam que o impacto produzirá uma nuvem de pelo menos 9,5 quilômetros de altura, podendo ser vista até mesmo a partir da Terra. A missão irá custar 583 milhões de dólares (cerca de 1,1 bilhão de reais).
Segundo a Nasa, a explosão fornecerá as informações necessárias para uma futura presença humana na Lua. Nesta quinta, há três possíveis janelas de lançamento, às 17h12min, às 17h22min e às 17h32min (hora local). Caso sejam perdidas, existirão ainda três outras oportunidades na sexta-feira.

===========================================================



obs> Estas coisas todas atestam a loucura humana, que é aceita como normal pela imensa maioria do povo cego. E se pergunta: com que direito fazem isso se com tais titudes podem prejudicar toda a vida na terra, a humana em especial? Eles nem sabem o que vai causar, entretanto gastam bilhões com seus briquedos diabólicos. No que afrontam ao Criador.



Eles no fundo buscam água, para provar que existe vida fora da terra. Querem também criar condições de vida fora dela, para o caso de este planeta aqui explodir, eles possam se refugiar lá... Bem o inferno também pode ser lá...




www.recados.aarao.nom.br

16 de junho de 2009

O Projeto da Besta

Primeiramente vamos à uma pequena nota que saiu no ano passado num importante jornal dos USA

Fonte: New York Times, de 05/03/2001 (traduzido)

Nenhuma necessidade mais de dinheiro vivo, cheques ou cartões de crédito, o microchip faz tudo. Por transferência eletrônica de dinheiro, somente uma simples leitura do chip são deduzidos capitais automaticamente de sua conta pessoal. Os crimes serão reduzidos substancialmente, os ladrões não podem roubar o microchip implantado em você





O chip tem o tamanho de um grão de arroz.

Mais nenhuma necessidade de chaves vultosas ou combinações de fechaduras ou cofres - seu microchip publica uma freqüência de seu próprio número de identificação digital pessoal. Servindo como um código de acesso isto destrancará seu carro, sua casa, seu escritório e tudo que você desejar trancar! Como conveniente!




Pais, mais nenhuma criança perdida ou fugitivos de penitenciárias! Ou talvez você precise procurar alguém em uma emergência! Chame o Banco de Dados Local para Controle de Humanos e dê o nome da criança ou informe os dados da pessoa que você precisa encontrar. As informações serão rastreadas por aparatos eletrônicos: torres de celulares, satélites, tudo... Eles descobrirão a identificação digital solicitada (agindo como um dispositivo de localização) e você achará seu pequeno Johnny ou Suzy ou quem quer que seja em poucos minutos. (end)

=================

Com a finalidade de acabar com o dinheiro, cheques e cartões de crédito, empresas de alta tecnologia, estão implantando CHIP em seres humanos monitorados por satélites 24 horas por dia.



“Conseguiu que todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos tivessem um sinal na mão direita e na fronte , e que ninguém pudesse comprar ou vender se não fosse marcado com o nome da fera ou com o numero do seu nome “ (Apocalipse 13,16 e 17)

O sistema está baseado em tecnologia do CARTÃO INTELIGENTE que emprega microchips escondido em um cartão de plástico.

Dinheiro vivo será cancelado e os smartcards ficarão obrigatórios. Os bancos estão entrando em parcerias com os grandes provedores de internet. O "BANCO" em seu PC ou CELULAR será o necessário.

Não há interesse para o banqueiro manter altos custos com agências abertas, folha de pagamento funcional, impostos, seguradoras. Existindo somente o dinheiro digital o lucro será o mesmo, a um custo praticamente de 0 %.

Neste primeiro momento, já está sendo efetuada a troca dos habituais cartões de crédito com tarja magnética, pelos cartões com o chip (smarcards), e logo todos os bancos adotarão está medida.

Num segundo momento, alegando maior conforto e segurança para o usuário, vão convida-lo a testar todas as vantagens de ter um chip implantado no corpo, até que resolvam tornar obrigatório isto, e podem acreditar que desculpas para implantar um chip no corpo dos cidadãos não vão faltar, sendo que a palavra chave será certamente mais segurança para todos os cidadãos.

Poderá até demorar um pouco para este processo se instalar em todo o Brasil, mas acredite isto vai acontecer. Há alguns anos atrás, tais fatos eram vistos como coisas de pessoas fanáticas ou loucas, mas hoje muitos que assim pensavam, concordam que já é bem possível estas coisas acontecerem.

Ainda num primeiro momento, conforme as notícias abaixo:

As pessoas irão movimentar suas contas normalmente com o seu cartão de identificação pessoal. No pagamento de contas, elas poderão utilizar a INTERNET (fixa ou móvel) ou BANCO 24 HORAS ou ainda se dirigir a qualquer casa lotérica, que fará tudo o que um banco fazia no passado.
Veja esta notícia: www.estadao.com.br/economia/financas/noticias/2000/set/06/150.htm

Talvez você queira ir à padaria para comprar pão, leite, mandar e-mail, ver saldo...
Veja esta notícia: www.jt.com.br/editorias/2000/12/16/eco542.html

Todos terão computadores, até os mais pobres. Ninguém vai ficar de fora.
Veja esta notícia: http://www.estadao.com.br/tecnologia/informatica/2001/jan/30/425.htm

Já num segundo momento, com a implantação definitiva dos chips:

Todas as pessoas serão monitoras por satélites interligados. E qualquer movimento financeiro anormal será detectado. É o fim do narcotráfico, evasão de impostos, fugas em cadeias, seqüestros relâmpagos. Finalmente a grande paz aparente reinará neste planeta Terra.
Mas a que preço? O preço será a perca total da nossa privacidade.
E quem atualmente, à respeito deste assunto, com tudo que tem sido apresentado na imprensa falada e escrita pode duvidar disto?
E muitos diziam em tom de deboche há alguns anos atrás, através de mensagens:
"Chip implantado no corpo, ah deixa disso, para mim você é louco !"
Para estes que assim procederam, agora eu digo: Que bom que todos fossem um tanto loucos, e conseguissem prever estes fatos, muitos anos antes que eles começassem a acontecer na sociedade.
Eu já diria, que há muito tempo começou fortemente uma campanha para incentivar o implante de chip, destacando seus benefícios, claro que não vão revelar para você os planos em massa. para que tal implante, que muito em breve irá se tornar algo obrigatório para todas as pessoas do mundo, tornando-se uma realidade cada vez mais presente também na tua vida irmãozinho. E você não vai querer ser um fora da lei na sociedade? Pois se optar em não colaborar com a sociedade do futuro, e decidir não colocar este implante de chip no teu corpo, você estará brevemente contrariando a maioria da sociedade, inclusive os teus amigos, que com certeza, a maioria deles vão apoiar totalmente este perigo anunciado, pois para eles será considerado apenas uma fantástica novidade tecnológica. Então você infelizmente vai comprovar, que muitos fanáticos e loucos, que anunciavam estes acontecimentos estavam certos, pois você será perseguido pela sociedade (da besta), e tudo na tua vida vai se complicar rapidamente, à começar que você realmente será visto como uma pessoa ultrapassada por toda a sociedade. Como irá trabalhar, se a sua empresa ou local de trabalho, já estiver adaptada para identificação de seus funcionários através do chip implantado no corpo? E se todo o comércio e os bancos adotarem este método, como você vai viver na sociedade? E se até mesmo o prédio ou bloco residencial que você reside, optar por isto como alternativa para a completa segurança de todos os moradores, então como você vai entrar na tua casa, se não tiver está identificação implantada no teu corpo? Veja que com os niveis alarmantes de violência na sociedade, o governo já poderia muito bem aderir imediatamente a está inovação, apenas ainda não o fazem, porque os recursos financeiros para tal mudança, virá daqueles que detém o poder econômico mundial, e creia, eles estão se preparando para estas mudanças. A quebra do mercado financeiro e as crises econômicas e até sociais em muitos paises do mundo, faz também parte deste plano.. Ah, e não diga que isto é loucura, pois a exemplo de outros irmãozinhos que também no passado pensavam isto a respeito de implantes de chips, você poderá me enviar uma mensagem perguntando o que fazer quando isto começar a se tornar uma realidade na tua vida. Porém, eu com toda a certeza já não poderei lhe responder, pois a besta e os seus "agentes", não vão permitir pessoas que as confrontem diretamente, aqueles que não aderirem a marca bestial implantada no corpo, certamente serão considerados rebeldes. Mas na verdade, a besta e os seus agentes, os considerará pessoas e "cristãos inteligentes", que precisarão ser perseguidos, silenciados e se possível mortos, afim de estabelecer a "paz da nova ordem mundial". E caso você pense, que tudo isto será somente para um futuro muito distante, saliento que por todo o Brasil já estao colocando chips no rebanho bovino (gado) para "rastreamento" e projetos visando melhorias geneticas. E muito em breve, o real gado a ser implantado. seremos nós. Pode parecer no momento, ainda um exagero ou ficção, mas é a realidade futura se moldando aos poucos, como vocês agora podem ver e ouvir nesta matéria feita pelo Fantástico da Rede Globo, mostra as vantagens do implante de chip. (é como eu disse: a realidade que vai se moldando).

A matéria foi ao ar no domingo dia 24/02/2002:
Click aqui e veja a reportagem

Atenção: Para assistir a reportagem você precisa do Real Player


--------------------------------------------------------------------------------

Empresas que estão comercializando o biochip: (confirmadas)

www.idchip.com/s1/entry.htm - Além de efetuar implantes, eles também procuram profissionais de informática
www.digitalangel.net - Participa da Bolsa Nasdaq com outras empresas para efetuar implantes

Notícia:
Jornal O Estado de Sao Paulo - Motorola também entra na briga para implantar biochips

E cada dia cresce o número de empresas que querem ou já estão comercializando o biochip. Se você fizer uma busca em algum guia da Internet, verá que mesmo no Brasil, muitas empresas que já participam ativamente deste mercado de biochips, e no resto do mundo já está cheio delas.


--------------------------------------------------------------------------------

Notícia

No Brasil, o Congresso aprovou uma carteira de identidade que substituirá todos os documentos em um único só, e a qualquer momento se tornará obrigatório, este será o primeiro passo para a mudança que virá, claro que como marionetes da nova ordem mundial eles precisam aguardar o momento adequado, pois já que dependem dos recursos financeiros dos grandes bancos mundiais. (que são os agentes da besta)

Veja em www.terra.com.br/cgi-bin/index_frame/brasil/2000/11/26/046.htm .


--------------------------------------------------------------------------------


A Realidade do Projeto da Besta

Existem 1001 utilidades para seu microchip implantado! Assim por que não implanta um e se une à nós ? Não seja um rebelde ou dissidente. Nosso objetivo principal é provocar harmonia global, nacional, social e individual e somos do bem. Seja um pequeno cidadão bom em nosso "mundo" novo. E caso você se recuse ao implante, então estaria mostrando que é um improdutivo e um rebelde para nossa "nova sociedade" e nós não gostamos disso. Pois certamente teremos que te colocar numa prisão, para que não tumultue a nossa "nova sociedade".

Nós sabemos que você foi influenciado e sofreu uma lavagem cerebral por esses "fanáticos" religiosos fundamentalistas extremos e não pode se ajudar nisto. Assim, antes que nós o julguemos a revelia, e você seja condenado em definitivo a prisão, lhe daremos algumas chances para mudar sua idéia. Nós o enviaremos a um centro reprogramado, para algumas massagens em seu ego. Isso talvez poderia convencê-lo que nosso modo é o melhor a se fazer. Mas se mesmo assim não lhe convencer, quem sabe você não vá participar de um novo "reality show" na televisão, voltando aos tempos da Roma antiga, onde os cristãos rebelados eram colocados numa arena, então você terá a chance de ganhar até quem sabe está liberdade de não ser implantado com o chip, mas claro se sobreviver aos leões que irá enfrentar num joguinho de diversão para o nosso público.

A Nova Sociedade Global:

Depois de anos de planejamento, pesquisa, e desenvolvimento as instituições financeiras do mundo estão anunciando e antecipando SOCIEDADE GLOBAL SEM DINHEIRO.

"Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da BESTA, ou o número do seu nome" (Apocalipse 13:17).

A habilidade para administrar todas as maneiras de troca monetária está sendo substituída agora por uma tecnologia de microchip ou dinheiro eletrônico. Este sistema foi criado em 1993 por banqueiros de Londres. O sistema está baseado em tecnologia do CARTÃO INTELIGENTE que emprega microchips escondido em um cartão de plástico, que armazena dinheiro vivo eletrônico, identificação do seu portador, e outras informações. Todos os sistemas de transação estão sendo feitos com segurança adotando protocolos FIXOS (Transação Eletrônica Segura) e exibirá o SET MARK.

SET = É o deus egípcio do mal ou Satanás.

MARK= É a MARCA da Besta 666 que vem junto com o microchip, que pode vir em forma de cartões de crédito, onde se pode usar um dispositivo no seu interior microchip (com os dados de Transferência Eletrônica Pessoal). Esta carteira é classificada segundo o tamanho de cálculos que lhe permite administrar a moeda corrente pessoal com a troca com outros proprietários do cartão. Os cartões também trabalham com telefones públicos, Bancos 24 horas, seu PC, a INTERNET, e negócios on-line e instituições já estão preparadas para o governo do anticristo.

A idéia de levar um cartão chipado ficará logo obsoleto, porque as pessoas descobrirão que terão uma limitação de segurança, sendo suscetível ao dano, perda, roubo ou clonagem. A própria administradora de cartões admitiu que mesmo com o chip, a segurança limita-se a somente 80 %.

A solução final será ter um biochip simplesmente colocado dentro do corpo humano como eles fazem agora com o implante de biochip de rastreamento de animais (GPS System)






Microdot é um microchip do tamanho da cabeça de um alfinete, que custa menos de 25 centavos de dólar, é injetado 5 ou 6 milímetros debaixo da pele. Lido com um scanner portátil, facilita a plena identificação da pessoa que a leva implantada.

Uma empresa de alta tecnologia, que participa da Bolsa Nasdaq, desenvolveu um biochip para ser implantado no corpo-humano e monitorado por satélites 24 horas. Com finalidade de auto-check-up médico e também para integração do e-commerce.

Considerando que não é prático colocar um microchip em todo produto, que é sempre comprado e vendido com um código de barras, que faz este trabalho muito bem. O que a maioria das pessoas não percebe é que está também é a "marca da besta" colocada sobre os produtos que nós compramos, usamos e dispomos todos os dias. Todo código de barras contém os números 666. Você achará um das duas versões da marca. O mais comum tem 10 números divididos em duas partes. E outros terão 6 números. Em ambas versões há 3 barras grossas identificadas. Essas barras são 6, 6, e 6. Estes são chamados de barras de guarda , eles mandam um sinal para o scanner no começo, dividindo a barra, e parando a leitura.




"Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis" (Apocalipse 13:18).

PROJETO LUCID - O projeto usará até satélites espiões, como os usados na Guerra do Golfo e também outros aparatos eletrônicos, que serão usados para o policiamento de um estado global totalitário, que foi idealizado para monitorar todos os homens, mulheres, e crianças, que usarão o biochip implantados e programados por um software BIOMÉTRICO UNIVERSAL, contendo o MARC. O projeto deste sistema foi criado por Jean Paul Creusat, M.D. e UN-INEOA que é representante das Nações Unidas (na Associação de Oficiais de Execução Narcótica Internacional). Um artigo apareceu em "NARC OFICIAL", revista que descreveu o sistema parecendo ser relacionado com um PROGRAMA DE SEGURANÇA GLOBAL. O autor Texe Marrs escreveu um livro inteiro sobre o PROJETO LÚCID



Nele ele conta a recusa para descobrir a sigla do projeto que o leva a acreditar que LUC- ID pode representar a IDENTIFICAÇÃO DE LUCIFER. Muitos proponentes da NOVA ORDEM GLOBAL são oculistas ou anticristãos e eles parecem levar a delícia com as suas expressões. Com LÚCID a autoridade de execução de lei global poderá localizar qualquer um dos seus movimentos, transações financeiras globais. Já existe um computador em Bruxelas cujo nome é a BESTA, que já tem todos os nomes de pessoas de diversos países, fornecidos pelos próprios governos.

Muitos se não a maioria dos 17 financiadores do sistema, é baseado no distrito bancário de Londres pertencente ao CLUBE DOS ISLES, um cartel bancário que tem um cabo de asfixiar as principais economias GLOBAIS. Com reuniões reservadas e alianças estratégicas que influenciam as políticas mundiais, finanças, recursos, e até mesmo a estrutura das NAÇÕES UNIDAS. A meta deles é uma NOVA ORDEM MUNDIAL baseado em um governo global, uma religião global, e uma economia eletrônica global.

ENTÃO, SE VOCÊ NÃO QUER PARTICIPAR DE UMA SOCIEDADE DE DINHEIRO ELETRÔNICO, ENTÃO O QUE FAZER?

Primeiro, você se achará depressa em dificuldades financeiras com suas opções de pagamento. Você também pagará pesadas taxas por usar cheques até que sejam eliminados os cheques. Você será pressionado e será coagido para ter todos seus pagamentos de contas e salários administrados automaticamente e eletronicamente. Seu "Banco em sua casa" no seu PC será o necessário (através do telefone), até que os caixas e suas filiais bancárias sejam substituídas por Bancos 24 horas. Grandes somas de dinheiro vivo serão próximo do impossível de se obter. Dinheiro vivo será cancelado e os smartcards ficarão obrigatórios. Achará então que você não pode pagar suas contas nem pode comprar mantimentos. O que deveríamos fazer então?

O Rei Jesus Cristo nos disse que tivéssemos esperança e não entrássemos em desespero, porque Ele estaria vindo logo e destruirá este sistema anticristão e a todos aqueles que tiverem o biochip implantado em seus corpos, e estes sofrerão chagas malignas na sua segunda vinda a terra (Apocalipse 14:9-11).

Ele nos disse que ocupássemos até a sua vinda. Ele nos deu uma grande missão especial até os fins dos tempos, a pregação do Evangelho em todas as nações (Mateus 24:14).

"Quem é, pois, o servo fiel e prudente, que o senhor pôs sobre os seus serviçais, para a tempo dar-lhes o sustento? Bem-aventurado aquele servo a quem o seu senhor, quando vier, achar assim fazendo" (Mateus 24:45-46).


--------------------------------------------------------------------------------

A Sagrada Bíblia e o Céu vos avisa:

"Seguiu-os ainda um terceiro anjo, dizendo com grande voz: Se alguém adorar a besta, e a sua imagem, e receber o sinal na fronte, ou na mão, também o tal beberá do vinho da ira de Deus, que se acha preparado sem mistura, no cálice da sua ira; e será atormentado com fogo e enxofre diante dos santos anjos e diante do Cordeiro. A fumaça do seu tormento sobe para todo o sempre; e não têm repouso nem de dia nem de noite os que adoram a besta e a sua imagem, nem aquele que recebe o sinal do seu nome" (Apocalipse 14:9-11).

Não adore a besta, não receba o sinal com o nome dela, não troque a eternidade junto á Deus, pelos bens materiais, os prazeres e as facilidades deste mundo cada vez mais materialista.
Seja fiel a Deus, não se desvie do caminho do Céu, não ouça aos que oferecem as novidades do mundo, dizendo que será necessário mudar todos os valores e conceitos, para melhorar a sociedade, pois na realidade o que eles querem é controlar totalmente a tua vida. Segundo a Sagrada Bíblia, se você, mesmo estando avisado, se deixar marca pela besta, terá um passaporte sem volta para o inferno. Acha isto pura bobagem, pois está lá, nas páginas da Sagrada Bíblia, seria prudente que você lesse e conferisse de perto, que o Apocalipse já está se cumprindo. Use da sua inteligência, e calcule o número da besta, que pretende escravizar a humanidade inteira. (Apocalipse 13:18).

Fonte: Portal Anjo

15 de junho de 2009

Asteroide está a caminho da Terra e pode colidir em 2014



Um asteróide de pouco mais de um quilômetro de diâmetro estaria a caminho da Terra e poderia colidir com o planeta em 21 de março de 2014, segundo astrônomos da agência britânica responsável pelo monitoramento de objetos potencialmente perigosos para o planeta. Mas, ao menos na estatística, não parece ser o fim do mundo –a chance de uma colisão catastrófica é de apenas uma em 250 mil.


Chamado de 2003 QQ47, o asteróide se aproxima da Terra a uma velocidade de 32 km/s, o equivalente a 115 mil km/h. Com 1,2 quilômetros de diâmetro, ele tem um décimo da massa do meteorito que, acredita-se, levou à morte dos dinossauros há 65 milhões de anos.

O 2003 QQ47 será monitorado de perto pelas agências espaciais do hemisfério norte nos próximos dois meses.

Segundo os astrônomos, as chances de impacto podem cair ainda mais conforme mais dados forem coletados. O alerta foi emitido pelo órgão depois que o asteróide foi avistado pela primeira vez, no Novo México (EUA).

O impacto de um corpo celeste dessas dimensões seria equivalente à explosão de 20 milhões de bombas atômicas semelhantes às lançadas pelos Estados Unidos contra Hiroshima há quase 60 anos, segundo um porta-voz do Centro de Informação sobre Objetos Próximos à Terra, no Reino Unido.

Asteróides como o 2003 QQ47 são pedaços de pedra que restaram após a formação do Sistema Solar, há 4,5 bilhões de anos. A maioria deles órbita o Sol em um cinturão de asteróides entre Marte e Júpiter, a uma distância segura da Terra. Mas a influência gravitacional de planetas gigantes como Júpiter pode arrancar estes objetos de suas órbitas originais e lançá-los no espaço.
No site do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa (agência espacial norte-americana), há um simulador que mostra as órbitas da Terra e do asteróide no decorrer do tempo.

www.acemprol.com

13 de junho de 2009

Presidente Obama diz que EUA são um dos maiores países muçulmanos do planeta


02.06.2009 - O presidente americano, Barack Obama, assegurou hoje que os Estados Unidos são "um dos maiores países muçulmanos do planeta", ao mesmo tempo em que convidou o mundo ocidental a "conhecer melhor o Islã".

"Os EUA e o mundo ocidental devem aprender a conhecer melhor o Islã. Além disso, se contarmos o número de americanos islamitas, nos daremos conta de que os Estado Unidos são um dos maiores países muçulmanos do planeta", afirmou Obama em entrevista concedida ao canal de televisão francês "Canal+".

O presidente americano, que fará um discurso nos próximos dias no Cairo, afirmou que tentará "criar o melhor diálogo para que o mundo muçulmano possa compreender melhor como não só os EUA, assim como todo o mundo islâmico em geral, sofre certos problemas como o terrorismo".

"Acho que há um autêntico conflito entre os que sustentam que o Islã é irreconciliável com a vida moderna e os que acham, pelo contrário, que o islamismo sempre soube evoluir ", assegurou Obama.

Para o presidente americano, "seja qual seja a confissão, são os que constroem e não os que destroem os que deixam uma herança".

Após viajar à Arábia Saudita e ao Egito, Obama participará no próximo domingo na França da comemoração do Dia D, quando houve o desembarque aliado na Normandia durante a Segunda Guerra Mundial.

Fonte: Terra notícias

11 de junho de 2009

NOVA ORDEM


Está escrito no Apocalipse 13, 16 Conseguiu que todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, tivessem um sinal na mão direita e na fronte, 17 e que ninguém pudesse comprar ou vender, se não fosse marcado com o nome da Fera, ou o número do seu nome. 18 Eis aqui a sabedoria! Quem tiver inteligência, calcule o número da Fera, porque é número de um homem, e esse número é seiscentos e sessenta e seis. (666)



Talvez não haja nenhum outro texto bíblico que tenha suscitado tanta polêmica nos últimos anos como este acima. Ele tem provocado as mais diferentes reações nas pessoas e verdade é que todos os que estudam os tempos de hoje, identificam nele, um dos mais audaciosos e bem bolados golpes de satanás contra ser humano. De fato, seu desejo mórbido é conseguir dominar o homem, tirando dele o livre arbítrio, possibilitando assim, por via indireta que a humanidade se curve diante dele e seja dócil ao seu domínio.



Na realidade, Deus criou o homem e ao dotá-lo deste poderoso meio de defesa – o livre arbítrio, a vontade – propiciou-lhe um meio de defesa ímpar contra o ataque do maldito. De fato, sem uma vontade decidida, o homem não peca gravemente, e sem esta mesma vontade – dom inalienável – nem mesmo os demônios podem agir. O modo, pois, como entra o pecado no mundo, e a forma como ele prolifera e se agiganta passa certamente pela vontade, pelo desejo do homem, eis porque não se pode culpar o demônio por todo o mal da terra. Ele está por trás sim, mas age somente depois de autorizado pelo homem.



Certamente uma das duvidas maiores que temos tido entre os leitores – e vem como uma preocupação – é relativa a aquilo que se convencionou chamar a “Marca da Besta”, como está citado no Apocalipse de São João, por mais de uma vez. As pessoas querem saber do que se trata, de como acontecerá isso e quando. Porque se preocupam consigo e com os seus filhos, até porque os castigos previstos para aqueles que se deixarem marcar pela fera, são inauditos. Vejamos nas Escrituras:



Ap 14, 9 Um terceiro anjo seguiu-os, dizendo em alta voz: Se alguém adorar a Fera e a sua imagem, e aceitar o seu sinal na fronte ou na mão, 10 há de beber também o vinho da cólera divina, o vinho puro deitado no cálice da sua ira. Será atormentado pelo fogo e pelo enxofre diante dos seus santos anjos e do Cordeiro. 11 A fumaça do seu tormento subirá pelos séculos dos séculos. Não terão descanso algum, dia e noite, esses que adoram a Fera e a sua imagem, e todo aquele que acaso tenha recebido o sinal do seu nome.



Imagine-se a confusão na cabeça das pessoas, que até têm sonhos e pesadelos, vendo-se perseguidas, encurraladas e sendo marcadas friamente como fazem os fazendeiros que marcam a ferros os animais de seu rebanho. Aliás, hoje já se usa um selo, um chip que é preso nas orelhas dos animais, e já os identifica como “controle de qualidade”, eis que o mundo moderno exige estes controles, tudo é controle, tudo é vigia, acabou-se o tempo de nossa doce privacidade. E em nome da “segurança”, o homem se deixa monitorar.



Ora, Deus o Criador, nos fez livres. Seus olhos eternos nos vigiam sim, mas só para nos guardar. Esta eterna vigilância, porém, permite que a liberdade humana seja usada até mesmo para afrontar a Ele. O homem é livre pensar e agir, e assim, pode ir livremente para onde quer, quando quiser, fazer o que quiser, dizer o que quiser, e somente a lei humana põe alguns obstáculos a este procedimento. Deus não! E assim o homem usa e abusa de sua liberdade, e porque não vê a Deus, e porque este não lhe cobra resultados e procedimentos, então insanamente ele age como se Deus não o visse.



Dá-se o contrário com os adeptos de satanás. Este cobra resultados daqueles aos quais favorece e tem um preço salgado para cada concessão. O fato é que são ainda poucos os que o servem diretamente, e pela sua falta de poder para tanto Lúcifer jamais iria conseguir que todos os homens se curvassem diante dele, como raríssimos monstros o fazem. Então, ele precisa de algum artifício, algum meio externo, que lhe permita penetrar nesta férrea vontade do homem, subjugando-o e o fazendo escravo. A lei do inferno é a lei da escravidão eterna, em contraponto à Lei divina, de liberdade perene.



Assim, São João, há mais de 1900 anos, deixou dito que num tempo futuro os homens iriam receber uma marca, que lhe seria imposta, na mão direita, ou na testa e que esta marca viria do inimigo. Disse ainda que esta marca conteria um número de homem, e este numero seria 666. De fato, a marca atual contém exatamente este número cifrado como síntese, eis porque o número 666 passou a ser ligado à pessoa do anticristo, um ser totalmente homem, mas que na realidade se fez filho das trevas e inimigo de Deus.



Na evolução desta marca, ela começou com o chamado “código de barras” – que está impresso em todos os produtos de supermercado – e é identificado por um leitor ótico. Naquela seqüência de barras, pode ser descrita uma infinidade de características de cada produto, como procedência, composição, fornecedor, preço de custo e de venda, tudo a uma simples passagem diante do visor. Por trás, um computador armazena estes dados, de modo a facilitar todo o controle humano, estabelecendo até os lucros do vendedor.



Tudo seria uma maravilha fantástica se ela se fosse restrita apenas aos produtos e mercadorias, entretanto engenho humano decidiu fazer dela outros usos. E o primeiro foi colocar algum tipo de dispositivo nos animais, e isso pode ser identificado pelos bichos “em extinção”, que são monitorados em seu habitat pelos preservacionistas. Ora, somente isso já seria o suficiente – monitorar – para antenar o homem. Monitorar significa poder controlar, encontrar onde ele estiver no que o faz escravo de um senhor.



Tudo então, eram apenas testes, porque desde o início o projeto realmente visava o ser humano. Visava controlar o homem, visava dominar as massas, fazê-las obedientes aos homens... E ao demônio! Sim, por extensão óbvia, tornar fiéis a satanás. Sim, porque as palavras controlar, dominar, forçar uma obediência, jamais provém de Deus. E se não vem de Deus não é bom para o homem. Não serve para um filho do Deus, que nos fez livres. Óbvio que o projeto é ilusório – falo em termos de satanás – porque o fato de coagir, forçar a vontade, jamais poderá fazer com que se perca um filho. Deus não permitiria isto!



Mas é justamente este o pavor das pessoas. E isso nós temos dito e insistido sempre: Jamais Deus permitirá que uma alma vá para o inferno, pelo simples fato de portar uma marca externa, que o force – contra a vontade – a algum tipo de procedimento. Mesmo que a pessoa seja ardilosamente enganada por mentiras, quanto ao real objetivo do inferno e de seus humanos seguidores. Se houver algum dia uma marca forçada, isso jamais levará uma alma a se perder eternamente. É preciso, sempre a decisão livre do homem pela marca. É preciso o uso da inteligência e da vontade desta pessoa, em favor do projeto de satanás. Sem a vontade decidida do homem, jamais uma alma se perderá!



Nós já explicamos a mecânica da marca, no texto sobre o Apocalipse, entretanto volto ao tema, devido a novas tecnologias a este respeito. Decididamente, está acontecendo uma avalanche de incautos que estão indo em busca de implantar dispositivos de controle em seu corpo, e conscientes e livres se submetem ao monitoramento. Fazem isso, com medo de seqüestro, especialmente empresários de todo mundo, de tal sorte que se pode ver, nos últimos anos, um decréscimo de seqüestros de ricos, porque estes estão todos já “chipados”, e os bandidos não querem correr risco de serem presos. Mas quanto tempo durará isso até que os bandidos invertam o jogo?



Ora, um projeto destes, para ser aceito pelo ser humano, somente se lhe for colocado diante um número de vantagens, que supere as desvantagens. Como vantagens a besta – dona da marca – apresenta o controle da saúde, dos batimentos cardíacos, da ficha médica e em qualquer tempo e lugar, o aviso contra enfartes, além do controle do saldo bancário, das aplicações financeiras, da identificação da própria pessoas, tudo vindo em substituição aos outros documentos: identidade, CIC, Carteira de Motorista etc.



De fato, o projeto americano prevê a implantação da marca até mesmo já nos bebês, o que está gerando muitas controvérsias. E seria muito bom, se fosse tudo usado apenas para este bem acima, entretanto tal não é verdade. Na realidade, tudo isso apresentado acima não interessa de forma alguma ao demônio, quem sabe um pouco aos homens. O que precisamos alertar, é que são infinitamente desvantajosos os pontos negativos, mas estes não são apresentados, e se esconde disfarçadamente dos incautos.



E a maior destas desvantagens não é certamente poder achar uma pessoa em qualquer tempo e lugar da terra, mas sim aquele que é o mais escondido e diabólico de todos os objetivos, e o único que interessa ao demônio: controlar as mentes das pessoas! Saber o que elas pensam, ouvir o que dizem, e mais que isso, poder induzi-las a adorá-lo, porque de outra forma ele jamais conseguirá, especialmente se a pessoa vê-lo cara a cara. Pois nem o mais demoníaco ser humano se visse satanás como ele é, suportaria sua visão sem desmaiar, ou sem a fortaleza de Deus. Mas se a pessoa puder ser induzida a isso, sim! Entre as novas tecnologias mais recentes, sobre a marca, temos as seguintes notícias:



1 – Terra, 25/06/2006 > A dupla de hackers Annalee Newitz e Jonathan Westhues clonou um chip de RFid implantado no braço de Jonhatan. Usando de técnicas simples e disponíveis a qualquer pessoa leiga, eles conseguiram obter todos os dados cadastrados no chip, coisa que era considerada impossível pelos seus defensores.



Quer dizer, conversa fiada esta de que o sujeito com o implante terá total segurança de seus dados, que não poderão ser roubados nem alterados. E não levará tempo para que os bandidos descubram uma forma de forçar o rico implantado a descarregar todo o seu saldo bancário “voluntariamente” nas contas deles. Além disso, fala-se que é possível se extrair o chip das costas das mãos das pessoas, e fazer uso dele como bem aprouver a quem o obtém, o que prenunciaria verdadeiras chacinas e mutilações. Mais...



2 – Segundo artigo de Robert Lee Hotz, LA Times ; Rick Callahan, AP; Nell Boyce, US News & World Report, “ao transmitir sinais sem o uso de fios, um grupo de cientistas produziu a última palavra em rato de laboratório. Trata-se de um animal que pode ser comandado por controle remoto, a uma distância de 500 metros , a pular cercas, subir árvores, passar por dentro de tubos e atravessar montes de entulho”.



O artigo é extenso e bem fundamentado, entretanto para uma pessoa que raciocina, que ainda tem cérebro ativo e livre, isso diz tudo. Se eles conseguem fazer um simples rato obedecer a um comando externo por implante, então é porque esta técnica se destina aos homens e não às ratazanas. Os ratos, afinal, têm sido as cobaias para tudo o que se aplicará mais tarde aos seres humanos. Está, pois, na possibilidade de enfraquecer a autonomia da tomada de decisão de uma pessoa, coagindo-a a procedimentos desejados pelos que a monitoram e controlam à distância, o grande objetivo perseguido por satanás.



3 – Conforme Jamie Wilson, do The Guardian; CNN, na Inglaterra os pais de uma menina, DD, estão providenciando a implantação nela de um chip de rastreamento, que lhes permitirá encontrá-la a qualquer tempo. O entendimento dos pais em pânico é este: se é possível rastrear um carro roubado, porque não uma pessoa vítima de seqüestro ou crianças desaparecidas? Os pais da criança não sabem efetivamente se a menina terá segurança, mas apostam na tecnologia para maior proteção da menina.



Ora, só um ser humano ausente de Deus para necessitar de um implante subcutâneo para ter segurança. Mais um dos truques de satanás, na tentativa de iludir, esconder dos homens, seu real e único objetivo: controlar a mente das pessoas. Fazer com que estas o adorem na marra! Obrigar os homens a uma servidão, mesmo que ilusória, porque se esta marca vier forçada, sem o livre desejo da vontade humana e quebrando o livre arbítrio, ela não terá nenhum valor diante de Deus, tal que a possa levar a perder-se eternamente.



A bem da verdade, simplesmente não existe nem uma só vantagem real, efetiva, boa, sã e duradoura na aceitação desta marca maldita e terrível. Em verdade, se os homens precisassem de algo assim para adquirir perfeição, Deus já nos teria brindado com ele. Nossa vontade é soberana e suprema, milhões de vezes acima desta marca satânica. De fato, quem pode achar um seqüestrado, pode também encontrá-lo para matar ou prender. Quem pode criar um chip para controlar um saldo bancário, pode também fazer este saldo trocar de conta a um simples comando, ou não? Como as pessoas se iludem!



Mais que isto, se o chip pode ser usado para monitorar o batimento cardíaco de uma pessoa, pode com certeza também acelerá-los ou diminuí-los fazendo o cérebro induzindo-o à liberação de certas substâncias que já existem no organismo. Da mesma forma, quem pode induzir um rato a trepar numa árvore por força de um comando implantado no organismo, pode com certeza fazer de um homem um assassino, induzindo-o a matar, ou a realizar qualquer ato criminoso, por virtude de um comando externo, alheio à sua real vontade. Podem forçá-lo a obedecer, no que se tornaria um autômato e escravo da besta.



E assim, cada “vantagem” apresentada pelos artífices de satanás, para que aceitem livremente a marca, trás em si inconvenientes poderosos, que suplantam em 100% a aquelas, em todos os quesitos. Por outro lado, as desvantagens são inúmeras, e pessoa alguma, de sã consciência, pode aceitar tais comandos em seu corpo. Afinal, do demônio nada vem de bom, e as pessoas já deveriam desconfiar de algo assim, pois como diz o ditado “quando vê muita esmola, até o santo desconfia”. Quando se apresentam tantas vantagens para alguma coisa, certamente nos querem esconder algo grave e mau.



Resumindo as coisas: O Plano da Globalização, a chamada “Nova Ordem Mundial”, pretende instalar nas pessoas, um dispositivo de controle externo, em forma de um “chip” de computador, capaz controlá-las. Com isso, evitariam rebeliões e as pessoas jamais se revoltariam contra o governo, pois um simples comando de máquina poderia manter os povos dóceis, obedientes. E entre as pessoas, os líderes de movimentos poderiam ser facilmente identificados e mortos até na hora, porque para isso já existe tecnologia por satélites que identificam objetos de até 20 cm . Este é o sonho maior de qualquer ditador louco! E satanás é sim, um louco, imaginando que Deus permitirá que os seus filhos sejam amontoados como carneiros idiotas e conduzidos ao matadouro sem um só balido.



Na verdade, o que se verifica é que tudo é uma questão de tempo, quero dizer de pouco tempo. Melhor dizendo, eles não terão tempo. Deus não permitirá que cumpram seu objetivo, pois não resta dúvida de que se não tivéssemos um Deus, já estaríamos todos marcados como macacos e monitorados como bichos em extinção. Porque se um dia algo assim viesse a acontecer na terra, podem ter certeza de que, por este instrumento de ódio, os próprios homens se auto-extinguiriam em poucas décadas, eis que os experimentos com as pessoas, levariam os dominadores a cometer loucuras sem fim.



Diz o Apocalipse, capítulo 9, que ao toque da trombeta do quinto anjo cai uma estrela na terra! A terra se abre dela saindo muita fumaça e uma nuvem de gafanhotos. Sei que também os gafanhotos inundarão a terra naqueles dias, por causa da quebra de seu ciclo de vida e a extinção de seus inimigos naturais, mas certamente que a passagem pode ter outra aplicação. Estes gafanhotos se podem referir ao dispositivo, à pistola com a qual é aplicada a marca, com o qual é inserido o chip debaixo da pele das pessoas, nas costas da mão direita ou na testa. Como está dito: 10 Tinham caudas semelhantes à do escorpião, com ferrões e o poder de afligir os homens por cinco meses.



Ap 9, 3 Da fumaça saíram gafanhotos pela terra, e foi-lhes dado poder semelhante ao dos escorpiões da terra. 4 Mas foi-lhes dito que não causassem dano à erva, verdura, ou árvore alguma, mas somente aos homens que não têm o selo de Deus na fronte. 5 Foi-lhes ordenado que não os matassem, mas os afligissem por cinco meses. Seu tormento era como o da picada do escorpião. 6 Naqueles dias, os homens buscarão a morte e não a conseguirão; desejarão morrer, e a morte fugirá deles.



Pode-se presumir então, que os exércitos do anticristo terão cinco meses para marcar as pessoas, o que será impossível, pois está em Ap. 8 Eu vi aparecer um cavalo esverdeado. Seu cavaleiro tinha por nome Morte; e a região dos mortos o seguia. Foi-lhe dado poder sobre a quarta parte da terra, para matar pela espada, pela fome, pela peste e pelas feras (Ap 6). E não acredito que o Brasil esteja entre esta ¼ parte, embora também aqui o governo já estude esta marca, em substituição aos nossos documentos usuais. Pela burocracia lenta e mal aparelhada que temos se deduz que nem em 10 anos eles fazem isso. Sinal de que “não terão tempo”.



Importa, antes de tudo, saber que com isso se cumpre o Apocalipse. Importa saber que o simples desejo de satanás de colocar sua marca nas pessoas, já é uma prova de que a profecia de São João se cumpriu, e para isso não é preciso que TODOS os homens recebam a marca. Basta que em algum lugar se esteja fazendo isso ou só cogitando. De fato, se eles tivessem tempo o objetivo deles seria cumprido. Felizmente temos um bom Pai, que vela por nós todos, embora nós homens não mereçamos coisa alguma. Deus não nos deve nada, nós sim temos em relação a Ele uma dívida de gratidão eterna. Mais uma!



Sintetizando, se pode dizer o seguinte: quem ninguém se preocupe se, por uma eventual desgraça vier a ser marcado a força, inconsciente do risco grave, porque está dito que eles causarão danos somente aos homens que não têm o selo de Deus na fronte. Pois também está dito em Apocalipse 7, 2 Vi ainda outro anjo subir do oriente; trazia o selo de Deus vivo, e pôs-se a clamar com voz retumbante aos quatro Anjos, aos quais fora dado danificar a terra e o mar, dizendo: 3 Não danifiqueis a terra, nem o mar, nem as árvores, até que tenhamos assinalado os servos de nosso Deus em suas frontes.



Ou seja, o chip se destina aos não filhos, aos renegados, e a aqueles que servem a satanás livremente. Deus preservará os seus, proibindo que sejam marcados aqueles que tiverem na fronte o sinal da cruz, pois já Ezequiel anunciava: 4... Percorre a cidade, o centro de Jerusalém, e marca com uma cruz na fronte os que gemem e suspiram devido a tantas abominações que na cidade se cometem. O sinal é o mesmo do Apocalipse, pois o tempo é o mesmo anunciado. Fala-se – não sei se isso se confirma – que quando o Papa tiver que fugir do Vaticano, antes de sair ele traçará no ar uma Cruz, com aquele seu cajado de pastor. Neste momento estarão sendo marcados os filhos de Deus pelos anjos. A Cruz será visível apenas aos filhos, não aos rebeldes que não o terão. Ouçam o depois:



5 Depois.... disse-lhes: Percorrei a cidade, logo em seguida, e feri! Não tenhais consideração, nem piedade. 6 Velhos, jovens, moços, moças, crianças e mulheres, matai todos até o total extermínio; precavei-vos, todavia, de tocar em quem estiver assinalado por uma cruz. Começai por meu santuário. Começaram pelos anciãos que encontraram defronte ao templo, 7 Manchai o templo, disse-lhes, e enchei de cadáveres os adros; em seguida saí! E foram-se eles para prosseguir o morticínio na cidade.



O que se segue a esta marca – que diferencia os filhos de Deus daqueles das trevas – será realmente o morticínio, o tempo do extermínio dos maus, pois o Senhor avisa ainda no mesmo capítulo de Ezequiel. 8 Permanecendo só durante esse massacre, prostrei-me de face contra a terra, e gritei: Ah! Senhor Javé, ides exterminar o que resta de Israel, desencadeando vosso furor contra Jerusalém. 9 A falta de Israel e de Judá é grande, muito grande, respondeu-me: a terra transborda de sangue e a cidade extravasa de perversão, porque dizem entre eles: o Senhor abandonou a terra! O Senhor não enxerga mais nada! 10 Está bem! Eu... farei recair sobre a sua cabeça o peso de seu proceder.



Uma frase de Nossa Senhora deve nortear doravante todo nosso proceder: Não há temor no amor! Significa que, os que realmente amam a Deus, não temem nada! Os que se colocam inteira, humilde e amorosamente sob a proteção divina, não devem temer nada e realmente não temem coisa alguma. Quando, pois, sua mente for assaltada por pensamentos de temor, de medo, de preocupação quanto ao futuro, se mostra aqui um sinal de falta – ainda – de conversão. Falta de fé, que conduz a esperança, e ao Amor.



Não se tema, enfim, a marca externa do “chip”, e sim a marca interna do pecado. Tema-a e fuja imediatamente para o confessionário, tão logo se sinta em falta grave. De fato, quem está em estado de graça, está sempre marcado para Deus, e estes são propriedade exclusiva e ciumenta do Altíssimo. A marca do ferrete da infâmia é destinada apenas aos rebeldes contumazes, aos teimosos obstinados, aos verdugos dos pobres, aos adeptos e adoradores de satanás, e aos serventuários do inferno, como os traficantes, os corruptos, os adúlteros, os perjuros, os mentirosos e os bandidos, porque estes já a carregam em si, independentemente de trazerem em seu corpo um dispositivo de controle.



Entre os que amam, reina a paz, mesmo em meio a tormenta. Deus sempre afastará o mal maior de diante de seus amorosos filhos. Nossa Mãe nos prometeu, no cenáculo do dia 30, que nenhum dos que estão envolvidos no Movimento Salvai Almas precisa temer, nem por si, nem por seus filhos. Porque haverá proteção total e embora os ataques venham – e devem vir para nos fortalecer e dar chance de mérito e crescimento – sempre, a Mão do Altíssimo estará nos guardando. E a tribulação passará – porque curto seu tempo – sem que sejamos abalroados... Como milhões que hoje não ouvem nem rezam o serão.



Mantenha, em sua fronte, bem visível a satanás a marca da cruz redentora, a marca do amor de Deus, que se obtém pelo estado de graça. Ela evitará que a substituam pelo ferrete de satanás – o chip de domínio do inferno – que é destinado apenas aos que odeiam. E assim, mesmo que alguns recebam – de forma inadvertida – a marca, por questões de aposentadoria, salário, emprego – falo de receber sem ter conhecimento do perigo que está por trás disso – sempre Deus terá mil meios de evitar que o chip funcione.



Uma destas formas é que pode haver ulcerações ao redor do implante do chip, devido à rejeição do próprio organismo da pessoa, por ser um objeto estranho. Seria como um espinho que infecciona. Neste caso, não haverá comunicação com os fluídos do organismo que transmitem os impulsos e comandos externos ao cérebro, o que evitará não somente que as baterias de lítio – veneno mortal – se carreguem, mas evitará também que haja interação do dispositivo com o cérebro da pessoa. Neste caso, ele não funcionará!



Confiemos no Deus que disse em Ap 14 ... Esses são os sobreviventes da grande tribulação; lavaram as suas vestes e as alvejaram no Sangue do Cordeiro. 15 Por isso, estão diante do trono de Deus e o servem, dia e noite, no seu templo. Aquele que está sentado no trono os abrigará em sua tenda. Já não terão fome, nem sede, nem o sol ou calor algum os abrasará, 16 porque o Cordeiro, que está no meio do trono, será o seu pastor e os levará às fontes das águas vivas; e Deus enxugará toda lágrima de seus olhos.



E como está em Ap 9, 1 ... A nosso Deus a salvação, a glória e o poder.. 5 ... Cantai ao nosso Deus, vós todos, seus servos que o temeis.... 6 .. Eis que reina o Senhor, nosso Deus, o Dominador! 7 Alegremo-nos, exultemos e demos-lhe glória... 9 Felizes os convidados para a ceia das núpcias do Cordeiro... Estas são palavras autênticas de Deus.



Arnaldo



Fonte: Recados do Aarão