Web Radio Sertao De Deus


26 de março de 2009

OS ANTROS






Depois daquela visão dos “demônios vermelhos”, vamos colocar esta nova série em “Profecias”, mostrando a realidade aterrorizante do além. Todas as pessoas que têm, em suas famílias, gente ligada às associações secretas e que conscientemente trabalham para o poder do inferno, que busquem alertar os seus, porque está chegando o tempo da ira.


À medida do possível iremos colocando, uma por uma, as visões e revelações sobre a realidade assombrosa e terrível do inferno. O tempo é de batalha, de luta, e não podemos mais esconder as cimitarras, os alfanjes, as espadas. Se Deus nos mostra estas realidades através de pessoas escolhidas é porque não devem ser ocultas. Eu acredito que estas revelações são verdadeiras, porque fui conferir “in loco” e senti a realidade. Estas visões que aqui relatamos são da mesma pessoa do livro “Os Demônios no Caminho dos Filhos de Deus”. Sei que o inferno luta furiosamente para não permitir que isso seja revelado e tal é que, mesmo se houvesse fantasia do mensageiro, ainda assim ele jamais conseguiria, com o nosso pobre linguajar humano, descrever o que significa o inferno.

“As águas se agitam, desordenada e violentamente”! Palavras de Jesus à confidente que diz: a pressão para que estas coisas não venham ao conhecimento de muitos é enorme.

Como sempre, neste tempo de trevas onde mergulhamos, não param as visões sobre as ações maléficas de satanás neste mundo, com as pessoas, as famílias, os sacerdotes e a Igreja. Tempo este, no qual o Bom Deus nos permitiu ver muitas coisas, é tempo em que nos dá também inúmeras oportunidades para expiação. Volto a falar a pedido de Nosso Senhor e de nossa Mãe Santíssima. O que relato a seguir é apenas uma das várias outras visões que lhe passarei nestes dias.

Eu estava na nossa capelinha rezando, quando senti uma força bater fortemente em minha testa. Então me vi caindo de costas num buraco que parecia sem fim. Havia um anjo comigo e ele me segurava fortemente pela cintura. Ao chegar ao fundo deste abismo, comecei a percorrer um lugar sombrio, assustador: era uma caverna larga e escura e nela havia várias outras que se ramificavam. Para melhor explicar era como um rio largo, onde desaguavam muitos rios, ribeiros e córregos. Percebi que do teto caia água, pois era como o teto de uma caverna.

Era grande a velocidade que passei por ai, sem tocar os pés no chão e era como se eu voasse. Várias vezes, eu me vi ser desviada pelo Anjo, de bater em demônios que ali se encontravam; eram de várias formas e se encolhiam quando passávamos. Tinham medo e se balançavam. Vi que alguns batiam nos outros pelo simples “prazer” de assim o fazerem. E assim foi até que saí desta caverna e por um buraco no solo entrei dentro de uma construção. O ambiente era fechado e escuro também: era uma loja maçônica!

Ainda sem entender o que se passava eu vi sair daquele buraco no solo inúmeros demônios escuros, com patas de dragão e tendo todos eles um único chifre na “testa”. Tinham também rabos que terminavam em ponta de flecha e asas que pareciam ser pequenas em relação ao tamanho deles. Eram como morcegos, horríveis.

Então Nosso Senhor falou: “estes são os demônios que sairão do mais fundo do inferno, de lugares que eles já tem preparados e virão em busca de todos aqueles que trabalham nas lojas maçônicas e nos centros espíritas, pessoas estas que trabalham conscientemente para satanás. Estes demônios buscarão, vivos, àqueles que ajudaram a construir tais lojas, espalhadas por todo mundo e também aqueles que as dirigem. Serão também buscados, vivos, todos os franco maçons que ainda restarem e que participam conscientemente de tais lojas. Serão buscados, vivos, também aqueles que promovem as sessões espíritas e que trabalham conscientemente para o mal, especialmente os fundadores de tais antros. Todos estes, serão levados vivos, de corpo e alma por estes demônios, para os locais de tormento eterno que já lhes estão preparados”.

Vi, então, aqueles demônios se dirigirem para várias destas casas espalhadas pelo mundo, agarrando as pessoas que se debatiam loucamente. Elas gritavam alucinadamente e estavam desesperadas. Mas, tristemente, já não havia volta mais para elas. Foi esta a minha visão, que termino com as palavras de Nosso bom Deus: RETORNAI FILHOS, ENQUANTO É TEMPO, À CASA PATERNA!

Nosso Senhor me disse que muitos acordarão e se converterão com o relato das visões que a partir de hoje vou lhe enviar. Que o bom Deus, ao agir com Sua Graça, possa encontrar milhares de corações abertos e dispostos a perceberem as terríveis realidades que estão diante de nós, ao nosso lado, atrás de nós, em cima de nossas cabeças e até mesmo embaixo da terra onde pisamos, mas que nem todos olhos conseguem ver. Que a Graça de Deus toque em milhares de corações incautos! Quanto a nós, cabe apenas espalhar a semente e Deus colherá Seus frutos! Não podemos nem somos obrigados a converter ninguém. Todos são livres para crer ou não. Foi o que eu vi!



Arnaldo observa: Muitos outros profetas falam também, e igualmente santos da nossa Igreja, que ao final da batalha muitos homens maus, que conscientemente trabalharam para satanás aqui, serão levados vivos, em corpo e alma, para os abismos infernais. Eu acredito nisso, porque posso perceber, mesmo na minha infinita miséria e pouca visão, o estrago imenso que estas pessoas fazem na seara de Deus e quantos vão à perdição. De fato, eles não se dão conta do que realmente fazem, porque satanás os cega com a riqueza e o poder, e os engana com a falsa tese de um reinado eterno, junto com ele no outro mundo.

Este é mais um ardil, mais uma mentira nefanda do príncipe negro. Nós não temos nada contra as atividades de ninguém, pois Deus nos fez livres para agir. Mas tememos pelas almas destas pessoas todas, que trocam seu tesouro infinito – suas almas – pelo mais negro, mais profundo e mais aterrorizante dos abismos eternos. Com toda certeza, digo a todos eles: na primeira fração de segundo, depois de fechada a porta da Infinita Misericórdia de Deus, eles já estarão arrancando os cabelos da cabeça, no mais angustiante e desesperador arrependimento. Não vale a pena lutar contra Deus: a derrota é eterna e certa! Não vale a pena desafiar o Criador: o castigo é evidente e aterrorizante!

Não tenham medo de voltar atrás, voltem enquanto é tempo: Deus É MAIS FORTE! E Ele vos espera de braços abertos!



www.recados.aarao.nom.br

Nenhum comentário: